sexta-feira, 11 de julho de 2008

Anti-herói

hancock_6

Sem ler as críticas que assombram as pessoas e muitas vezes às fazem não ver um filme ou ler um livro, fui ontem ao cinema assistir Hancock.

Na verdade só fui ler alguma coisa a respeito, quando tive que atualizar a seção Telona, do site Xpres, até então não tinha ouvido nenhum ba fá fá sobre o filme, apesar de ser protagonizado por Will Smith.

tonight_1

Jonh Hancock está longe de ser um típico super-heroi americanizado, com aqueles uniformes apertadinhos e que parece sempre andar com um código de ética embaixo do braço, ao contrário, é alcoolatra, impopular, desastrado, mora em uma espelunca e só faz besteira.

O filme não remete ao universo propriamente dito dos HQ`s, não fica muito bem explicado de onde o heroi veio, se de outro planeta, de uma experiência ou se foi de comer soja transgênica, a única coisa que sabemos é que ele perdeu a memória em um certo momento de sua vida e que existe apenas mais uma pessoa igual a ele.

Como nada é totalmente original, o filme lembra histórinhas ja contadas, como O Feitiço de Aquila, onde os amantes não podem ficar juntos por causa de uma maldição, ou até mesmo o desenho Os Incriveis, onde super-herois tem que viver normalmente entre as pessoas.

Vale como divertimento, mas ainda sim, prefiro Will Smith fazendo palhaçada, nem que seja em Man in Black!

Resenha oficia no site Almanaque Virtual.

Walter Porciúncula Jr

3 comentários:

Flávia disse...

Vc foi ao cinema e nem convidou as pessoas???? Egoísta! Vc e o Foco estão "botamdo as manguinhas de fora" e eu não estou gostando...

Rodrigo disse...

Eu não tenho nada com isso flavia, e botando é com "n" rsrsrsrsr...
bjs

Walter Porciuncula Jr disse...

Eu avisei o Sr Coelho sim!! mas ele reclamou do preço!! alias, ele reclama de tudo!! rsrs, de fila, de horário, de dor nas costas...