quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Outback?

Nesta quarta o negócio foi bom!

Resolvemos fazer Costeletas de Porco ao Molho de Laranja e para acompanhar Batatas Recheadas.  Uma carne macia e saborosa mergulhada num molho um pouco agridoce que contrastava com o sabor do gorgonzola.

Costelinha Otback batatas recheadas,130808 (24) Costelinha Otback batatas recheadas,130808 (8)

Costelinha Otback batatas recheadas,130808 (27)

Oito horas da noite começamos a preparação na casa da Flávia, esquentando a noite com brejas enquanto o prato principal estava sendo produzido...

Iniciamos pré-assando as costeletas e preparando o molho sofisticado que levou cravos, raspas e suco de laranja, molho inglês etc. Depois foi só cozinhar as batatas, assá-las no papel-alumínio com muito azeite e recheá-las com gorgonzola, cream-cheese, creme de leite e salsinha.

Costelinha Otback batatas recheadas,130808 (9)

 

 

Nesta noite a Vania tornou-se expert em ralar casca de laranjas... e o Walter em fazer o suco...

 

 

Costelinha Otback batatas recheadas,130808 (15)

 

Até parecia costeletinhas do Outback, e até um prato FunilKid foi feito para a filhinha da Marília (costelinhas com purê de batatas), que ficou pronto em apenas uma hora.

 

Muitos ingredientes, um pouco demorado (apenas 3 horinhas), mas nem dá trabalho. Deu pra colocar muita conversa em dia enquanto o forno bombava.

No final valeu a pena a demora. Não sei se pela fome ou se realmente gostaram do jantar, mas taí uma boa tática para não haver reprovações... deixar a galera com muita fome!!!

Costelinha Otback batatas recheadas,130808 (25)

Depois do jantar todos ficaram com os olhos miúdos de sono, mas com sorriso de satisfação. Foi difícil ir embora de barriga cheia e com aquela leseira toda.

Trabalhão danado depois: abrir a porta do carro... girar a chave na ignição... "apertar" a embreagem (né Lucinho!)... ainda bem que meu carro já estava embicado e nem precisei esterçar...

Obs.: interessante, achei que esta palavra nem existia e fui perquisar e olha que encontrei: Esterçar:"É um vocábulo usado em automobilismo e, portanto, coisa bem moderna. A edição atual do Morais (1999) dá esterçar com o significado de "mover à direita e à esquerda o volante do automóvel". O Houaiss, registra o mesmo significado, mas traz muitas outras informações, entre elas que o termo vem do italiano sterzare, vocábulo registrado em 1743, com o sentido primitivo de "fazer girar a carroça", que adquiriu, no séc. XX, o sentido de girar o volante do automóvel". Este verbete não existe no tradicional Aurélio.

Nada a ver com a costeleta com batatas, apenas curiosidade na hora de escrever este post.

5 comentários:

vania disse...

Sem comentários o nosso jantar!!!!! me deu uma depre depois....misereeeeee!!!
Ah.... semana que vem sem falta vou levar a sobremesa....será q vamos dar conta?!rsrsrs

Walter Porciuncula Jr disse...

Realmente nossos encontros estão cada vez mais fodásticos.. kkkk!!

Quero so ver o macarrão "el niño" da Fla!

Ateh!

www.porquehojeequarta.blogspot.com

juju disse...

Foco q massa adorei o blog!!!
c ta parecendo a gica com o tal "trabisseiro", no seu esterçar...hahahahaha
muito bem boladooo
e as fotos dos anos dourados???
kkkkkkkkkk
bju pro ces
JU
ps o walter nao mudou nada....
cade a ana e a "humberto, doisberto..."

juju disse...

Foco q massa adorei o blog!!!
c ta parecendo a gica com o tal "trabisseiro", no seu esterçar...hahahahaha
muito bem boladooo
e as fotos dos anos dourados???
kkkkkkkkkk
bju pro ces
JU
ps o walter nao mudou nada....
cade a ana e a "humberto, doisberto..."

Rodrigo - Foco disse...

Oi ju, que bom voce por aqui.... saudades... beijo grandão..